“A morte é uma piada” chega terça-feira a Novo Hamburgo

“A morte é uma piada” chega terça-feira a Novo Hamburgo

Peça conta com o ator Renato Prieto, protagonista do filme nacional Nosso Lar.

Da redação

Foto:

Novo Hamburgo

– Na próxima terça-feira, a peça espírita “A morte é uma piada” desembarca no Teatro Paschoal Carlos Magno, em Novo Hamburgo, e promete muitas risadas ao público. O espetáculo conta com Renato Prieto, Sylvia D’Silva e Rosana Penna e trata de questões do cotidiano mostrando que a etapa morte deve ser encarada como uma passagem, um momento de transição e não como fim da vida. Sem contar com muitos objetos cênicos, os atores se utilizam do humor para contar piadas, histórias e cantar durante o espetáculo. É uma encenação do humor de cara limpa que envolve o público com questões sérias e relacionadas aos ensinamentos dos espíritos.

A temática espírita é abordada com muita leveza, misturando textos de Chico Xavier e Divaldo Franco com músicas de Roberto Carlos, Milton Nascimento, Fernando Brant, Nelson Cavaquinho, entre outros. Renato Prieto ficou consagrado em 2010 representando o personagem “André Luiz” no filme de destaque nacional “Nosso Lar” que participou do festival de Cannes em maio desse ano. O ator da peça “A morte é uma piada” também foi diretor da peça “Além da Vida” que circula há 20 anos no país.

Ele foi um dos pioneiros em teatros espíritas junto com personalidades como Augusto César Vannucci, Felipe Carone, Rosana Penna, Lúcio Mauro e Leide Franscisco e já trabalha há 30 anos no meio artístico. A peça terá início às 20 horas, tem 80 minutos de duração e é dirigida por Cyrano Rosalém.

Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente na loja Valentini (rua Joaquim Nabuco, 803, salas 30 e 31). Para mais informações, ligue para 3527-4303.

Anúncios

Os comentários estão encerrados.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: